Mesoterapia (aplicação de enzimas e outras medicações), chamada também de intradermoterapia é uma técnica de origem francesa amplamente utilizada na medicina estética por se tratar de um procedimento minimamente invasivo, capaz de promover a queima de gordura localizada, combate à celulite e indução na formação de colágeno, no combate à flacidez.

 

A mesoterapia funciona através da aplicação de agulhas. As aplicações podem ser sob a pele e nos músculos. No segundo caso, o medicamento produzido deve conter substâncias anti-inflamatórias, anestésicas e/ou relaxantes. Para haver um controle, as aplicações devem conter dosagens adequadas dos medicamentos. A profundidade da aplicação pode estender a reação por uma região maior.

 

Indicações da Mesoterapia

  • Gordura Localizada;

  • Celulite graus I, II e III;

  • Flacidez Corporal e Facial;

  • Estrias brancas ou vermelhas.

 

São realizadas uma série de aplicações com uma mínima quantidade de medicação na profundidade de 0,5 até 4 mm (camada intradérmica) promovendo a ação específica na região. As mesclas a serem administradas dependem sempre de qual parte do corpo deseja-se atingir e qual o tipo e intensidade do problema, seja gordura localizada, celulite em seus diversos graus, flacidez no corpo e na face e até estrias vermelhas ou brancas.

 

Os resultados podem ser percebidos logo nas primeiras semanas, porém alcançam seu ápice somente após o tratamento completo avaliado caso a caso.

 

As sessões podem ser realizadas semanalmente ou quinzenalmente, também segundo avaliação, já que as substâncias atuam diferente de pessoa para pessoa. No intervalo das sessões é recomendável que se faça sessões de manthus, endermologia e drenagem linfática para a obtenção de resultados mais rápidos e bastante satisfatórios.

 

Como em qualquer tratamento na área de estética, atividades físicas regulares e dieta balanceada devem ser mantidas, simultaneamente, para obtenção de resultados mais rápidos e mais duradouros.